Lentes de Contacto: Teste de Daltonismo

Teste de Daltonismo Lentes de Contacto

A imagem acima é um teste de daltonismo. Consegue ler a palavra oculta?

Se a resposta é SIM, você não é daltónico. Se NÃO consegue visualizar na imagem a palavra “LER”, então possuí um dos 3 tipos de daltonismo que explicaremos mais adiante no texto.

O que é o Daltonismo?

O daltonismo é um tipo de deficiência visual na qual um indivíduo não é capaz de reconhecer e diferenciar algumas cores específicas. O distúrbio recebeu este nome em homenagem ao químico inglês John Dalton, que foi o primeiro estudar as características do daltonismo.

Tipos de daltonismo

Existem três tipos principais de daltonismo:

Protanopia (daltonismo vermelho)

Este tipo de daltonismo é o mais comum de todos e é caracterizado, principalmente, pela diminuição ou ausência total do pigmento vermelho. Em vez disso, o indivíduo vê tons de castanho, verde ou cinzento, mas, em geral, varia de acordo com a quantidade de pigmentos que o objeto possui. Neste tipo de daltonismo, o verde tende a assemelhar-se ao vermelho.

Deuteranopia (daltonismo verde)

Uma pessoa com este tipo de daltonismo não é capaz de distinguir a cor verde. No entanto, tal como acontece com a protanopia, os tons visíveis tendem, geralmente, para o castanho. Assim, quando um indivíduo observa uma árvore, vê-a toda de uma só cor, com uma pequena diferença entre a tonalidade do tronco e das folhas.

Tritanopia (daltonismo azul)

A tritanopia é o tipo mais raro de daltonismo. . Este tipo interfere com a distinção e reconhecimento das cores azul e amarela. Uma pessoa com este tipo de visão não perde totalmente a noção de azul, vendo-o em tonalidades diferentes, enquanto o amarelo se converte num rosa claro. As pessoas com tritanopia também não distinguem a cor laranja.

Causas do daltonismo

O daltonismo é um distúrbio genético ligado ao cromossoma X. Neste distúrbio, ocorre um problema com os pigmentos de determinadas cores nos cones – células nervosas do olho localizadas na retina. Ainda que só se encontre em falta um pigmento, o individuo pode apresentar problemas para reconhecer e identificar diversas cores, tonalidades e/ou brilhos.

1. Fatores de risco genético

O daltonismo é uma doença recessiva e está diretamente relacionada com o cromossoma X. O sexo masculino é composto pelos cromossomas X e Y e o feminino por dois cromossomas X, que são herdados dos pais. A mãe proporcionará sempre um cromossoma X e o pai poderá passar ao bebé um cromossoma X ou Y.

Como se trata de uma doença recessiva, o daltonismo só se manifestará em pessoas que apresentam uma alteração em todos os cromossomas X presentes no seu corpo. Ou seja: uma mulher teria de herdar um cromossoma alterado tanto do pai como da mãe, enquanto um homem apenas terá de herdar o cromossoma X alterado da mãe, já que do pai receberá um cromossoma Y.

Muito embora o daltonismo seja em grande medida causado por fatores genéticos, este também pode desenvolver-se de outras formas:

2. Doenças que podem conduzir ao daltonismo

Doenças oculares, como glaucoma e degeneração macular, podem contribuir para o daltonismo. Conheça algumas outras doenças que também podem levar ao daltonismo:

  • Diabetes
  • Alzheimer
  • Parkinson
  • Leucemia
  • Anemia falciforme.

3. Medicamentos

Os fármacos usados para tratar a hipertensão arterial e alguns transtornos psicológicos podem aumentar as possibilidades de uma pessoa desenvolver daltonismo.

Produtos Químicos

Um indivíduo exposto a determinados produtos químicos, como o dissulfeto de carbono e alguns fertilizantes, também têm uma maior probabilidade de desenvolver daltonismo.

Envelhecimento

A capacidade de ver, distinguir e reconhecer as cores pode deteriorar lentamente como parte natural do processo de envelhecimento. Assim sendo, com o passar dos anos, desenvolver daltonismo à medida que envelhece é uma possibilidade real.

Sintomas de Daltonismo

Os sinais e sintomas do daltonismo variam em intensidade dependendo da pessoa e de acordo com o tipo de distúrbio. Em geral, os sinais mais comuns da doença podem incluir:

  • Dificuldade em ver cores e as suas diferentes tonalidades e brilhos de maneira normal
  • Incapacidade de distinguir a diferença entre as tonalidades de cores iguais ou semelhantes

Muitas vezes, os sintomas podem ser tão leves que algumas pessoas poderão não perceber que são daltónicas; contudo, é bastante comum que os pais notem sinais de daltonismo quando os filhos estão a aprender a diferenciar as cores.

O daltonismo é curável?

Existem óculos e lentes para o daltonismo, contudo, o daltonismo é uma anomalia visual sem cura; pelo que deverá ficar claro que os óculos e lentes de contacto para daltónicos não farão com que estas pessoas vejam como outra pessoa sem esta anomalia. As lentes apenas ajudam a distinguir um pouco melhor as variações da mesma cor.

E aqui, neste outro website, poderá compreender através de imagens como uma pessoa com daltonismo vê os objetos do seu quotidiano: Veja o mundo pelos olhos de um daltónico.


Artigos Relacionados

Pesquisa

Temas

As lentes de Contacto Acuvue Vita confortáveis durante todod o mês de utilização
Lentes de Contacto Acuvue Vita

Top 10 artigos

Top 10

Solução universal. Contém hialuronato de sódio.
Líquidos hy-Care

Opiniones de Clientes en Lentes de Contacto 365
Estimados clientes, garantimos que os nossos armazéns estão totalmente operacionais e que todos os pedidos estão a ser expedidos com normalidade. Saiba mais »