Apoio ao Cliente
Apoio ao Cliente

Coceira nos olhos: causas e tratamentos. Pôr fim à agonia!

Sente a coceira a dominar os seus olhos durante o dia? Leva imediatamente as mãos ao rosto para tentar aliviar a comichão coçando com os dedos? Pode achar que alivia a sensação de prurido, mas, na verdade, só está a piorar a situação.

Certamente já reparou que a coceira nos olhos ocorre em vários momentos. Por exemplo, devido à alergia ao pólen, ao pó, ao pêlo do seu animal de estimação, à fadiga ocular, olho seco, irritação ocular, mudanças de estação, entre outros.

Fixar o olhar por um longo período em atividades como ler, pintar, conduzir e ficar em frente a ecrãs digitais, como telemóveis e computadores durante longas horas são situações que o deixam com coceira nos olhos. A coceira é uma reação dos nossos olhos a pedir descanso.

Coceira nos olhos

Diagnóstico de coceira nos olhos

A primeira coisa que deve fazer é estar ciente de qualquer alteração ou desconforto nos seus olhos. Os efeitos da coceira nos olhos são difíceis de ignorar. Portanto, se começar a sentir esse desconforto com frequência, faça uma pausa e consulte um especialista.

Por norma, para além da comichão nos olhos são adicionados outros sintomas como olhos muito secos, secreções, irritação das pálpebras e inchaço. Se tiver estes sintomas, cuide da sua saúde e avalie se está a esforçar a sua visão mais do que o necessário.

Leve sempre em consideração a avaliação de um especialista. Até porque pode não ser uma simples coceira nos olhos, mas ter outras implicações que requerem um tratamento específico e adaptado ao caso.

4 Causas de coceira nos olhos

As razões são variadas e dependem do seu estilo de vida, sendo que o local onde vive pode também ter um impacto positivo. Algumas das causas mais comuns são:

1. Alergias

Representam a resposta do corpo a uma substância que identificam como estranha. O sistema imunológico reage de forma hipersensível, liberando histamina para essa substância desconhecida, provocando sintomas que não passam despercebidos na pele e nos olhos.

Pólen, mofo, alguns animais de estimação ou poeira são alguns dos gatilhos da alergia nos olhos:

Pólen

A chegada da primavera, para além do aumento da vegetação e do número de flores, implica também um aumento de alergias devido à libertação de pólen que geralmente causa irritação na garganta e nos olhos.

Para minimizar esse desconforto, recomenda-se que não se exponha ao exterior por longos períodos de tempo e use óculos de sol para proteger os olhos.

Mofo

As infiltrações e a humidade criam um ambiente favorável ao aparecimento de mofo. Se é alérgico, idealmente, deve arranjar as fendas por onde entra a água e humidade, assim como limpar frequentemente áreas da casa mais propícias a ter mofo, como casas de banho, sótão e cozinha.

Animais de estimação

Sempre que o seu animal está perto de si sente comichão nos olhos? Então provavelmente tem alergia ao seu pêlo. Também pode ocorrer devido a partículas que se soltam da pele, saliva, ou mesmo da urina e das fezes.

Neste caso deve visitar um especialista que irá determinar qual a substância que você inala sem perceber e que lhe causa alergia. Posteriormente, o especialista indicará um antialérgico apropriada para a situação.

Estas partículas sólidas encontradas em qualquer superfície são as que produzem uma das alergias mais comuns. O mais sensato é que tome as medidas de higiene apropriadas e não permita que o pó se acumule.

Alergias

2. Irritação

Ocorre devido à ação de agentes químicos como cloro, desinfetantes, sabão ou champô.

Ou porque cheirou alguma dessas substâncias e seu corpo reagiu de forma hipersensível ou porque, enquanto tomava banho, lhe entrou uma gota desses agentes.

Após isso sente uma ligeira coceira nos olhos? Sugerimos que use bastante água limpa ou lágrimas artificiais de venda livre para acalmar a coceira. Mas se a alergia se tornar grave, é recomendável que procure um profissional de saúde o mais rápido possível.

3. Infeções e inflamação

Outra causa de coceira nos olhos são as infeções por vírus ou bactérias que alteram o organismo. Geralmente criam sintomas adicionais, como secreção de substâncias que formam manchas, dor e inflamação nas pálpebras e, em alguns casos, desconforto ou intolerância à luz.

Se tiver algum destes sintomas, não se automedique . Porquê? É provável que precise de antibióticos ou algum tratamento personalizado que só possa ser indicado por um oftalmologista.

4. Secura

A secura aparece quando os olhos não estão bem hidratados. As razões? Insuficiência de lágrimas ou má qualidade das lágrimas, climas secos, idade avançada, alterações hormonais antes da gravidez ou durante a menopausa, bem como a fixação da visão em ecrãs digitais.

O último produz coceira nos olhos, porque o olhar permanece concentrado na mesma direção por um longo período de tempo, provocando a diminuição do número de vezes que se pisca por minuto, resultando em olhos secos. Para diminuir esses efeitos, deve seguir estas dicas:

  • Cumprir a regra dos 20/20/20. Consiste em, de 20 em 20 minutos, focar o olhar para um objeto que esteja a 6 metros de si, por 20 segundos.
  • Fechar os olhos por alguns segundos e depois abrir lentamente.
  • Aumentar a quantidade de vezes que pisca os olhos para aumentar a lubrificação.

Fadiga visual e Síndrome Visual do Informático

O uso de dispositivos eletrónicos, como smartphones, tablets e computadores faz com que cada vez mais pessoas passem mais horas do dia fixando os olhos em ecrãs digitais. Tal traz consequências negativas para a saúde ocular.

Prurido, irritação, olhos lacrimejantes e visão turva são sinais de que provavelmente está a enfrentar um caso de fadiga ocular. Focar objetos a uma curta distância por várias horas causa fadiga ocular.

Se é daquelas pessoas que usa o telefone ou o computador como uma extensão do seu corpo, pode sofrer de Síndrome Visual do Informático. Nada mais é do que a condição ocular que atinge quem trabalha o dia inteiro em frente a ecrãs digitais.

5 dicas para reduzir a fadiga ocular

O indicado é que não passe muitas horas por dia em frente a dispositivos eletrónicos. Mas se o seu dia de trabalho exigir o uso desses equipamentos, recomendamos que preste atenção às seguintes sugestões:

1. Garanta boa iluminação

Garanta que o seu local de trabalho tem a iluminação ideal. Além disso, se for trabalhar num ambiente externo, use óculos escuros para proteger a sua visão dos raios ultravioletas e agentes patogénicos.

2. Descanse os olhos

Não importa o quão ocupado você esteja, faça uma pausa a cada 20 ou 30 minutos, no máximo, para descansar os olhos por, pelo menos, 20 segundos e foque o olhar em algo diferente do ecrã do seu computador ou telefone.

3. Limpe o ecrã

Regularmente limpe o ecrã para evitar manchas de poeira e sujeira que podem prejudicar a visão e também causar alergias e coceira nos olhos.

4. Distância do computador

Idealmente, você deve colocar o computador a uma distância de 50 centímetros do seu corpo e abaixo do nível dos seus olhos, para que não precise forçá-los a abrir por completo.

5. Use lágrimas artificiais

Se você não piscar o suficiente para hidratar os olhos, use lágrimas artificiais ou gotas para a comichão nos olhos quando sentir que a secura está a dominar os seus olhos.

Tratamentos para a coceira nos olhos

Aliviar a coceira pode variar desde fazer intervalos que permitem descansar a sua visão até ao uso de medicamentos e antibióticos mais específicos.As causas mais comuns desta condição ocular e o seu tratamento são:

1. Em caso de secura

Acalme a coceira com lágrimas artificiais para humedecer e lubrificar o olho seco. Estes produtos têm colírio que é um componente semelhante ao das lágrimas naturais. Normalmente, após a aplicação desta substância, a sensação de secura diminui.

2. Em caso de irritação

Se a coceira for causada por um produto químico, deve lavar com água limpa em abundância até que o produto seja removido. Se a irritação for leve, após alguns minutos o desconforto desaparecerá.

3. Em caso de infeção

Nesta situação, o uso de um antibiótico, colírio ou outro medicamento prescrito pelo médico é necessário para tratar da condição causada pelo vírus ou bactéria. O protocolo a seguir dependerá do seu diagnóstico.

4. Em caso de alergias

A primeira coisa que deve fazer é determinar o que causa a alergia para evitar o contacto com esse agente. Mas enquanto descobre, alivie a sensação de prurido lavando os olhos e colocando um pano húmido e frio sobre as pálpebras.

A coceira nos olhos é uma condição comum e multifatorial que melhora com facilidade e rapidez. Da próxima vez que sentir essa sensação, avalie o que pode causar e, se persistir, não hesite em consultar o seu médico.


Artigos Relacionados

Pesquisa

Temas

As lentes de Contacto Acuvue Vita confortáveis durante todod o mês de utilização
Lentes de Contacto Acuvue Vita

Top 10 artigos

Top 10

Olhos Secos e Sensiveis com Bio Natural
Líquidos hy-Care

Opiniones de Clientes en Lentes de Contacto 365
Apesar do elevado número de encomendas, todos os pedidos estão a ser expedidos com normalidade. Saiba mais »